MENU

Webhelp Certificada Como Great Place To Work Pela Terceira Vez Consecutiva

Webhelp Certificada Como Great Place To Work Pela Terceira Vez Consecutiva

A Webhelp, empresa de externalização de serviços de apoio ao cliente (BPO), recebe pela terceira vez consecutiva a distinção do Great Place to Work, que identifica e reconhece a empresa pelo ambiente e pelas condições de trabalho proporcionadas aos colaboradores, mesmo em tempos de pandemia.

Com cerca de 2.000 colaboradores em Portugal, a Webhelp, através da sua subsidiária Webhelp Braga, integra igualmente a lista das 30 melhores empresas para trabalhar no país, “sendo a única empresa de Braga na listagem, ocupando o 20ª lugar do ranking”, refere a empresa em comunicado. É ainda a 9ª empresa nacional na categoria de 100 a 500 colaboradores (e único contact center nesta categoria).

Para conseguir alcançar esta distinção, a Webhelp contou com a colaboração de mais de 85% dos seus colaboradores dessa subsidiária. A participação dos colaboradores, “recolhida de forma confidencial e anónima, permitiu identificar e avaliar factores de sucesso para a empresa como a credibilidade, respeito, imparcialidade, orgulho e camaradagem entre equipas, com a Webhelp a registar em todos uma avaliação entre 87% e 92%”.

LEIA A NOTICIA NA SECURITY MAGAZINE

 

A Webhelp, líder mundial de externalização de serviços de apoio ao cliente (BPO), recebe pela terceira vez consecutiva a distinção do Great Place to Work, que identifica e reconhece a empresa pelo ambiente e pelas condições de trabalho proporcionadas aos colaboradores, mesmo em tempos de pandemia.

Com cerca de 2.000 colaboradores em Portugal, a Webhelp, através da sua subsidiária Webhelp Braga, integra igualmente a lista das 30 melhores empresas para trabalhar no país, sendo a única empresa de Braga na listagem, ocupando o 20ª lugar do ranking. É ainda a 9ª empresa nacional na categoria de 100 a 500 colaboradores (e único contact center nesta categoria).

Para conseguir alcançar esta distinção, a Webhelp contou com a colaboração de mais de 85% dos seus colaboradores dessa subsidiária. A participação dos colaboradores, recolhida de forma confidencial e anónima, permitiu identificar e avaliar fatores de sucesso para a empresa como a credibilidade, respeito, imparcialidade, orgulho e camaradagem entre equipas, com a Webhelp a registar em todos uma avaliação entre 87% e 92%.

Para Carlos Moreira, CEO da Webhelp Portugal, “este feedback extremamente positivo que recebemos anualmente por parte dos nossos colaboradores tem um peso ainda maior, devido a todo o contexto pandémico. Mesmo com as mudanças que nos trouxe este novo cenário, a Webhelp conseguiu manter a satisfação e o bem-estar dos nossos colaboradores como uma das grandes prioridades e isso acabou por transformar-se num resultado melhor do que aquele obtido em 2020”.

Para implementar o posicionamento “Think Human” que é a base da empresa, a Webhelp Braga realizou várias iniciativas ao longo do ano criadas especificamente para manter um bom ambiente de trabalho, reforçar a autonomia e a confiança dos colaboradores, melhorar a comunicação interna e promover iniciativas que respondesses às novas inquietudes dos colaboradores face à COVID-19. “A implementação de horários flexíveis, que privilegiam o tempo em família, desafios que ajudam os Webhelpianos a evoluir e uma mudança para novas iniciativas online, quer de comunicação interna com competições, concertos, showcooking, entre outros, e a manutenção de outras como o médico e o nutricionista que passaram a atender os colaboradores online, permitiram manter o espírito da empresa bem vivo, apesar da distância, uma vez que mais de 80% dos colaboradores se encontram em teletrabalho”, refere Benoist Voidie, Director da Região Norte.

A classificação das Melhores Empresas para Trabalhar 2021 baseia-se num estudo do Great Place To Work através do inquérito Trust Index, um questionário enviado a todos os colaboradores da empresa proposta. Este inquérito inclui perguntas e representa que representam dois terços da avaliação. O restante terço da avaliação é a Culture Audit. Trata-se de uma análise exaustiva da cultura da empresa através das práticas e políticas de Recursos Humanos.